segunda-feira, 7 de outubro de 2013

O Evangelho de Barnabé - O Novo Testamento é Confiável?

O evangelho de Barnabé

O Novo Testamento é confiável?

           Teriam os livros do Novo Testamento sido escritos cedo o suficiente para serem relatos de testemunhas oculares? Se sim, devem ter sido escritos durante o primeiro século. Examinemos as evidências e comparemos as datas do Novo Testamento com o que descobrimos sobre o Evangelho de Barnabé.
 
A história fornece pistas de três fontes primárias das datas de origem dos 27 livros do Novo Testamento:
  1. Testamentos de inimigos da igreja
  2. Relatos cristãos antigos
  3. Cópias de manuscritos antigos

Testemunho dos hereges

          A primeira pista é uma lista parcial dos livros do Novo Testamento criada pelos inimigos da igreja chamados de hereges. Como párias da igreja, os hereges não precisariam concordar com os líderes da mesma sobre a autoria ou data do Novo Testamento. Ainda assim, dois hereges antigos, Marcião e Valentim, de fato atribuíam as escrituras de vários livros do Novo Testamento e suas passagens aos apóstolos.
  1. Em 140 d.C., o herege Marcião listou 11 dos 27 livros do Novo Testamento como sendo os escritos autênticos dos apóstolos.
  2. Por volta da mesma época, outro herege, Valentino, faz menção a uma ampla variedade de temas do Novo Testamento e suas passagens.
          Isso nos diz que em meados do século II, muitos livros do Novo Testamento já circulavam há algum tempo. Mesmo “párias” hereges aceitavam essas narrativas do Novo Testamento como relatos do testemunho dos apóstolos.
 

Google+ Followers

Postagens populares