terça-feira, 15 de outubro de 2013

Pecados contra o Espirito Santo!

Browse > Home / / Pecados contra o Espírito Santo

Pecados contra o Espírito Santo

4 comentários
Queridos leitores gostaria de abordar um assunto muito sério nesta postagem. Algo que a Igreja do Senhor precisa, de fato, conhecer e zelar pelo o que está ao nosso favor.

Em I Tessalonicenses 5.19, Apóstolo Paulo, iluminado pelo Espírito Santo, diz:
"NÃO EXTINGAIS O ESPÍRITO" (extinguir = apagar, aniquilar)

De que forma podemos apagar o Espírito Santo de nossas vidas?

Respondo: Pecando contra Ele!

Desta maneira, nos faz necessário saber, quais os pecados contra o Espírito Santo. Tenho visto que muitos cristãos são leigos quanto a esse assunto e mau sabem que podem extinguir o Espírito Santo de suas vidas. Talvez, até, já extinguiram !


Os pecados
Os pecados contra o Espírito consistem em palavras, atitudes e atos.
- As palavras: São as afrontas verbais e as blasfêmias.
- As atitudes e os atos: constam da resistência ao Espírito. Contudo, a resistência ao Espírito é o pecado inicial que se comete contra o Consolador. Uma vez cometida esta ofensa, as demais parecerão de menos importância, visto que o coração do ofensor, considerará o pecado algo comum.
RESISTÊNCIA AO ESPÍRITO ?

Em Atos 7.51, temos o diácono Estevão discursando aos judeus ortodoxos “Homens de dura cerviz e incircuncisos de ouvido e coração, vós sempre resistis ao Espírito Santo". O que é resistir? É recusar, impedir, endurecer o coração, limitar de forma consciente a vontade divina transmitida pelo Espírito Santo. Você tem resistido?

Cuidado, pois o Espírito Santo pode se voltar contra ti. (Is63.10) "Contudo eles foram rebeldes, e resistiram ao Espírito Santo. Pelo que lhes tornou em inimigo, ele mesmo pelejou contra eles.


O AGRAVO OU DEBOCHE CONTRA O ESPÍRITO
Por incrível que pareça, conheço muitos irmãos que debocham das línguas estranhas e não acreditam nos dons, sinais e maravilhas. Quando assisto uma cena dessas, nada me resta do que achar esse irmão um "pobre coitado". Ao ler Hebreus 10.29, você concordará comigo:"De quanto maior castigo cuidais vós será julgado merecedor aquele que pisar o Filho de Deus e tiver por profano o sangue da aliança com o qual foi santificado e agravar (ultrajar, debochar) o Espírito da Graça"


A BLASFÊMIA O que é isso? Em Mt 12.24 Jesus libertou um possesso por demônios e tão logo os fariseus alegaram que Ele operara tal milagre pelo poder dos demônios.
Contra esse pecado NÃO HÁ PERDÃO (Mt12.31-32). Esse pecado é a consequência dos demais aqui citados. Portanto a blasfêmia contra o Espírito Santo é imperdoável, pois é Ele o que nos convence do Pecado, da Juízo e da Justiça, e que de intercede por nós.


É impensável vivermos o Pentecostalismo sem o Espírito Santo. Não podemos cometer nenhum agravo contra Ele. Se fracassarmos, poderemos comprometer, fatalmente, o nosso destino eterno.


Bibliografia: Antonio Gilberto, Verdades Pentecostais.

Google+ Followers

Postagens populares