quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Nome de Deus Realmente: YAOHUH




O VERDADEIRO NOME DE DEUS
    
I- O que é um nome?

          Um nome é o que identifica uma pessoa. Eu só posso dizer quem eu sou, aqui na face da terra,  pelo meus documentos, então eu sou o "fulano" portador da RG ... CPF... e nestes documentos constam ainda,  os nomes dos meus pais, a cidade onde nasci, e a data deste nascimento.

          Meu nome é João, porém se alguém, me chamar por José, é natural,  que eu vá,  achar que não é comigo, pois me chamo João.

          Aqui na terra, então é fácil de identificar, mas e lá nos céus? Lá não existe, acho eu, porque, não cheguei lá ainda, para saber, identificação de pessoas ou seres celestiais. Então como são identificadas? apenas pelos nomes. Vemos na Bíblia, que os judeus não tinham hábito de identificar as pessoas, por sobre nomes como fazemos, o nome era associado a cidade de origem,  ou pela sua profissão, ou filho de alguém conhecido. Ex: Jesus de Nazaré, ou Jesus, o filho de José o carpinteiro. Paulo de Tarso, Paulo da cidade de Tarso.

          E vemos nos textos Bíblicos que,  nos céus acontece algo idêntico, Ex: Arcanjo Miguel (Judas 1:9); Anjo Gabriel (Lucas 1:19 e 1:26). Veja que no texto de 1:26, também, explica, o  porque Jesus, era chamado de  Jesus de Nazaré, apesar de ter nascido em Belém, porque a sua família era de Nazaré.

          Então podemos concluir que nos céus, o nome é extremamente importante, para poder identificar alguém.

II- O nome do Criador

          O Criador revelou o seu nome, e disse que este nome era eterno, e deveria ser conhecido por todos de geração em geração (Êxodo 3:15). Então o nome verdadeiro do Criador, é para ser conhecido por todos, inclusive nós. Veja nos versículos anteriores, 2,4,7,15 e 16,  e se você, entrar no site da http://www.bibliaonline.com.br/, 54 edições, você pode comparar o texto em português, com o texto hebraico (Allepo Codex) e verá que o Verdadeiro nome de Deus, o tetragrama, que está traduzido por "SENHOR" em todas as Bíblias, porém "SENHOR" não é o verdadeiro nome de Deus. E pior ainda a palavra SENHOR em hebraico é BAAL, então cada vez que você pronuncia SENHOR está dizendo BAAL. Veja o texto de Êxodo 3

No versículo 2
em português: ... anjo do SENHOR..., em hebraico aparece o tetragrama, que é traduzido por " SENHOR"

No versículo 4
em português: E vendo o SENHOR...., em hebraico aparece o tetragrama

No versículo 7
em português: E disse o SENHOR: , em hebraico aparece o tetragrama 

No versículo 15
em português: O SENHOR de ..., em hebraico aparece o tetragrama

No versículo 16
em português: O SENHOR de..., em hebraico aparece o tetragrama.

          Outra coisa que devemos atentar, é que nos versículos 1, 4,6,11,13,14 e15 a palavra que traduzida por " Deus" é: "SUPREMO ETERNO CRIADOR", que em hebraico é ULHIM,(ULRIM é a pronuncia em português)  e não simplesmente "Deus", nos versículos, 6 e 15 realmente aparecem a palavra D'us, e ainda no versículo 14 a palavra está traduzida por "EU SOU O QUE SOU" tem a sua raiz no tetragrama.

Versículo 1
em português: ...monte de Deus... em hebraico monte de ULHIM

Versículo 4
em português: bradou Deus... em hebraico bradou ULHIM

Versículo 6
em português: Eu sou o Deus de teu pai, O Deus de Abraão, O Deus de Isaque, O Deus de Jacó... em hebraico todas elas D`us
em português: ... olhar para Deus em hebraico ..olhar para ULHIM

Versículo 11
em português: ..Moisés disse a Deus: em hebraico Moisés disse a ULHIM

Versículo 12
em português: ...servireis a Deus ... em hebraico: servireis a ULHIM

Versículo 13
em português: ...disse Moisés a Deus: em hebraico: disse Moisés a ULHIM

Versículo 14
em português: e disse Deus... em hebraico: e disse ULHIM
em português: EU SOU O QUE SOU em hebraico EU SOU YAOHUH

Versículo 15
em português: E Deus disse.. em hebraico e ULHIM disse
em português: O SENHOR Deus de vosso pai... em hebraico O YAOHUH D`US de vossos pais..
em português: O Deus de Abraão,  em hebraico o D`us de Abraão
em português: O Deus de Isaque. em hebraico o D`us de Isaque
em português: O Deus de Jacó, em hebraico o D`us de Jacó.

          Então,  o nome que deve ser lembrado, e para sempre,  de geração em geração, dita pelo SUPREMO CRIADOR ETERNO (ULHIM)  é o tetragrama:  Que é formado pelas letras hebraicas Letra Yod que corresponde ao Y em nosso alfabeto, e se pronuncia I,  a letra Hê que corresponde ao nosso H, que como em nosso alfabeto, em inicio ou fim de frase,  não tem som algum, e no meio da frase tem o mesmo som do H em inglês, por exemplo Casa em inglês House (Ráuse) então em meio a frase tem este som de R , a letra Vav, que pode assumir a pronuncia de V, O ou U dependendo do massorético que a acompanha,  e novamente a letra Hê, porem agora em fim de frase, então o tetragrama sem os massoréticos seria YHVH, mas colocando os massoréticos para se saber quais as vogais, temos no Yod, o massorético Qamatz , que não tem uma pronuncia parecida em português, seria uma mistura de A e O, um AO lido rapidamente, na letra Vav, temos o massorético Shuruq, e dá ao Vav o som de U, então temos  " YAOHUH" se pronuncia IAORRU. Este é o verdadeiro nome do Criador e que deve ser lembrado para sempre. Ele não disse me chamem por qualquer nome que está bom, Ele disse que,  o seu nome,  que seria lembrado eternamente é IAORRU.

          A primeira vez em que, o Nome verdadeiro do Criador aparece na Bíblia, é Gênesis 2:4, quando Ele deixa de se apresentar, como o SUPREMO ETERNO CRIADOR (ULHIM) e apresenta o seu nome, para que todos saibam, céus e terra, que o Eterno Criador é YAOHUH.

II - Os nomes YEOVAH (ou JEOVA) e YAHWEH ( ou Javé)
 
          Como dissemos em nossa outra postagem, que Adão não é o primeiro homem, durante o domínio grego, e isto se perdura até os dias de hoje, os judeus, são proibidos de pronunciar o verdadeiro nome do Criador, primeiro porque se fossem visto, pronunciando o Nome do Criador, poderiam ser acusado de blasfêmia, e serem apedrejados. Segundo os outros povos, em razão da situação escravizante dos judeus, blasfemavam o nome do Criador, tipo onde está o teu Deus? então para esconder a pronuncia correta, do nome, trocaram o Nome pela pronuncia de ADONAI, que significa SENHOR dos SENHORES,  ou HA-SHEM que significa o " O NOME". Então surgiu as pronuncias de YEOVAH e YAHWEH.

a) YEOVAH é o tetragrama YHVH, com os massoréticos de ADONAI, na letra Yod, retirou-se o Qamatz, e se colocou o Shavau- patar, que muda a pronuncia de YAO para YE , na letra He, que no original não tem massoréticos, colocou-se o massorético Roulem, que muda a pronuncia para O, e no Vav, colocou-se o massorético Qamatz, e mudou a pronuncia para VA, então mudou-se a pronuncia do Nome correto de YAOHUH, para YEOVAH, e como este não era o nome do Criador, poderiam blasfemar a vontade.

b) O mesmo aconteceu com  a pronuncia YAHWEH, é o tetragrama, YHVH, com os massoréticos de HA-SHEM no Yod colocou-se o massorético patar no lugar de Qamatz, mudando a pronuncia de YAO para YA, no Vav trocou-se o massorético Shuruq por Tsere, mudando a pronuncia para WE, então mudou-se a pronuncia correta do nome YAOHUH para YAHWEH,  e que também poderia ser blasfemado a vontade pois este não era o nome que deveria ser lembrado eternamente.

          Foram espertos, os judeus, em esconder a pronuncia do Nome do Criador, de blasfêmia, pois tinham e tem um temor muito grande pelo verdadeiro Nome do Criador, porém estas pronuncias, ficaram até os dias de hoje, e desde aquela época são usadas como o verdadeiro nome do Criador. Então,  quando você encontra estes nome em sua Bíblia, em português Jeová ou Javé, saiba que estes não são o verdadeiro nome do Criador. E Ele disse que o nome Dele e correto é YAOHUH (IAORRU) deveria ser lembrado eternamente.

Google+ Followers

Postagens populares