quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Somos Mais Que Vencedores



 
MAIS QUE VENCEDORES 
 
"Em todas estas coisas, porém, somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou."
Romanos 8:37.
 
          O evangelho de Jesus é um evangelho vitorioso. A Bíblia diz que Deus "sempre nos conduz em triunfo" (II Co.2:14); portanto podemos dizer que o evangelho é triunfo - em termos finais. O apóstolo João declarou que todo o que é nascido de Deus vence o mundo; nascer de Deus faz com que participemos da natureza divina, e Deus é um Deus de vitória; temos, portanto, toda a capacitação para vencermos. Isto é muito claro nas Escrituras: fomos chamados para vencer! 
 
          Mas os ensinos concernentes a isto tem gerado muita polêmica no Corpo de Cristo nestes dias, não porque seja difícil compreender pela Palavra de Deus que nossa caminhada é vitoriosa, mas porque nosso conceito de vida vitoriosa está muito distante daquilo que a Bíblia apresenta. Fantasiamos demais, e achamos que seremos totalmente intocáveis, mas a Palavra de Deus não ensina isto. O que ela ensina e promete é vitória. Vitória sempre e em todas as circunstâncias. Mas se há algo que precisamos entender melhor, e é O QUÊ É vitória, COMO e QUANDO ela se dá em nossa vida. Assim nos livramos do triunfalismo aparatoso e exagerado. 
 
          Vencer é prevalecer sobre o inimigo na batalha. Não se trata de ser inatingível, mas de prevalecer sobre o inimigo. Muita gente tem pregado em nossos dias um evangelho que dá garantia sobre tudo; se você não quer mais problemas venha a Jesus (e a igreja tal...) e tudo estará bem. Desde o começo de meu ministério, cri e preguei sinceramente este tipo de vitória; não nesta intensidade e nem nestas palavras, mas muitas vezes dava a entender exatamente isto; dizia às pessoas que se elas realmente cressem nas promessas do Senhor, estariam levantando o escudo da fé e não seriam de forma alguma atingidas pelo inimigo em tempo algum. 
  
          Não estou escrevendo contra quem tem pregado desta forma; creio que a maioria dos pregadores que dão esta ênfase são sinceros e não têm encontrado no ensino convencional uma clareza bíblica que os leve a ver com mais profundidade o assunto. Ainda assim, prefiro milhares de vezes que alguém exagere na ênfase da nossa vitória, do que pregue um evangelho de derrota, conformista. Mas prefiro muito mais que os crentes em geral compreendam a vitória bíblica, do ponto de vista de Deus, a proclamarem uma vitória utópica. 
 
          Toda vez que citava Romanos 8:37, falava de como somos mais que vencedores; mas para mim a idéia de mais que vencedor é que nós não apenas éramos vencedores, mas nos encontrávamos num patamar bem mais alto; ou seja, se ser vencedor já era bom, mais que vencedor era ainda melhor, mais intenso. Para mim, mais que vencedor significava vitória demais. Porém, depois que Deus começou a desvendar meus olhos para compreender seu tratamento em minha vida, uma das primeiras coisas que Ele me falou foi sobre corrigir meu conceito deste versículo. 
  
          Então, mais que vencedor significa que, além de vencermos a batalha, ao fim dela seremos ALGUMA COISA A MAIS! Não só terminaremos como vencedores, mas seremos algo mais.
 

Google+ Followers

Postagens populares